ja653.jpgCom chegada à rede de revendas Fiat prevista para julho, o Siena 1.4 Tetrafuel é um dos principais lançamentos da montadora neste ano com objetivo de oferecer fontes alternativas de energia para o automóvel.

De acordo com a Fiat, o Siena Tetrafuel é o primeiro veículo do mundo a rodar com quatro combustíveis: álcool hidratado, gasolina brasileira (que atualmente possui 20% de álcool), gasolina pura, como a existente em outros países da América Latina e Europa, e gás natural veicular (GNV). A tecnologia, instalada pela montadora italiana, conta com garantia de um ano sem limite de quilometragem.

ja654.jpgO uso da palavra "tetra" (quatro) é discutível. Na verdade são três combustíveis (álcool, gasolina e gás) e a mistura, em qualquer quantidade, do álcool com a gasolina. A diferença do "tetra" para o "flex" é que este não aceita gasolina pura: está dimensionado apenas para a gasolina com 20% de álcool.

A grande "jogada" da Fiat foi a incorporação da tecnologia que gerencia automaticamente o uso dos combustíveis. O Tetrafuel utiliza uma única central eletrônica que gerencia o uso dos combustíveis de forma integrada, alternando-os de acordo com a necessidade de momento, sem interferência do motorista.

O sistema de gerenciamento de combustível foi desenvolvido pela Magneti Marelli e é diferente no usado no "flex". Com isso, na prática, quem decide qual o combustível mais adequado a cada instante é a centralina, deixando o motorista livre para concentrar sua atenção em dirigir o carro. Apesar de não apresentar alterações no acabamento interno, o modelo ganhou direção hidráulica, vidros dianteiros com acionamento elétrico e travas elétricas de série.

Usando álcool ou gasolina, o motor do Siena Tetrafuel rende 80 cv contra 68 cv com o uso do gás. O torque máximo é de 12,2 mkgf a 2.250 rpm com combustível líquido e 10,4 mkgf a 2.250 rpm com gás. De acordo com a Fiat, com combustível líquido o carro acelera 0 a 100 km/h em 15 segundos. Com GNV, demora 17 segundos. As velocidades máximas ficam em 165 km/h e 153 km/h, respectivamente.

Como o sistema "tetrafuel" é instalado pela fábrica, o carro vem com garantia de um ano (cinco anos para a carroceria), sem limite de quilometragem. O carro começa a ser comercializado no Brasil no mês que vem e deverá custar R$ 41,9 mil.