Modelo completo, em versão
única, custa R$ 75 mil.

Já está disponível nas concessionárias em todo o País, a linha 2003 do utilitário esportivo Chevrolet Tracker. O modelo passou por um reposicionamento de preço que o tornou muito mais competitivo diante da concorrência. o preço agora é de R$ 75 mil em uma versão única com todos os itens incluídos no preço.

O modelo tem “design” moderno e arrojado e está equipado com pára-choques dianteiro e traseiro na cor do veículo, molduras de proteção nas laterais e nas aberturas de porta, também, na cor do veículo. Além disso, o Tracker possui “rack” estilizado sobre o teto e roda reserva fixada na tampa traseira, que contribuem para o estilo esportivo. As rodas são de alumínio 16×7 (inclusive o estepe), calçadas com pneus radiais 235/60 R16 de uso misto.

Desempenho

O Tracker oferece ao consumidor a melhor motorização no segmento. Trata-se do motor turbodiesel intercooler SOHC de 2.0 litros de capacidade volumétrica, com quatro cilindros em linha e 8 válvulas, com sistema eletrônico de injeção de combustível. Ele propicia uma potência de 108 cavalos a 4 mil rotações por minuto (rpm) e torque máximo líquido de 25,5 mkgf a 1.750 rpm.

Com uma autonomia média de 1.000 km, o Tracker é um veículo econômico, consumindo na cidade 12,5 km/l e na estrada 17,2 km/l. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 13s0 e a velocidade máxima de 163,2 km/h. A retomada dos 40 km/h aos 80 km/h é obtida no tempo de 9s0. O tanque de combustível tem capacidade para 66 litros. O Tracker, com transmissão manual e tração 4×4 seletiva, sai de fábrica em versão única totalmente equipado.

Conforto e conveniência

Como itens de conforto o motorista conta com ar-condicionado integrado frio e quente, controle remoto elétrico dos espelhos retrovisores externos, desembaçador elétrico do vidro traseiro com luz de advertência no painel de instrumentos, porta-copos no console central, porta-luvas com chave, volante de direção acolchoado de dois raios, direção hidráulica com regulagem de altura, além de teto solar elétrico, único do segmento.

Nova cor

Uma nova cor foi incluída na linha, o azul Cepheus (perolizada), que segue as mais recentes tendências do mercado. A nova opção soma-se às atuais, cinza Nobre (metálica) e prata Escuna (metálica).