O Balé Teatro Guaíra apresentará de 10 a 18 de setembro, no Guairão, duas novas coreografias criadas pelos coreógrafos convidados, Luiz Fernando Bongiovanni (Caixa de Cores) e Felix Landerer (Werschwindend Kleine Welt) que pela primeira vez coreografam para o grupo.

?Caixa de Cores? coloca em cena a essência do trabalho do físico Isaac Newton, a divisão da luz em sete cores, reconhecidas pelo olho humano, mais o branco (a união de todas as cores) e o negro, como a ausência de cor. Por exemplo, o vermelho é a cor com a onda mais curta, com a troca mais rápida de fotons e elétrons. E o vermelho, como cor vibrante, está associada à pulsação, à paixão, ao ímpeto. Do outro lado do espectro está o violeta, com o comprimento de onda mais longo.

Para escolher a trilha deste balé, ele escutou cerca de 300 músicas. Optou para as coreografias das cores, os concertos de Vivaldi e para a transição entre elas, música eletrônica.

Com o nome de Werschwindend Kleine Welt (Pequeno Mundo), a coreografia criada para o Balé Teatro Guaíra dura 30 minutos e aborda o começo deste processo, quando as pessoas ainda têm lucidez sobre os fatos.

A pesquisa deste trabalho trilha os sentimentos que surgem quando uma pessoa perde a memória, seja por doença degenerativa, idade ou acidente. Para ele o impacto é dramático. muito triste você não se lembrar das memórias, do que foi a sua vida. Isto provoca isolamento social e falta de comunicação", disse.

Serão realizados ensaios abertos nos dias 10, às 20h30, e 11 às 18h, o ingresso será um quilo de alimento não-perecível. Nos dias 13, 14 e 15 as apresentações serão reservadas às escolas e os convites serão dirigidos. Nos dias 16 e 17, às 20h30, e dia 18 às 18h, o ingresso terá preço único de R$ 6,00.

Serviço:
Balé Guaíra: Caixa de Cores e Werschwindend Kleine Welt
Local: Guaírão
Data: 10 a 18 de setembro
Horário: dia 10 às 20h30, dia 11 às 18h (um quilo de alimento não-perecível) dia 16 e 17 às 20h30, dia 18 às 18h ? Ingressos a preço único R$ 6,00