Enquanto Jürgen Klinsmann se preparava em Berlim para anunciar a lista dos 23 convocados para a Copa do Mundo, o futebol alemão também estava em destaque em Londres. O meia Michael Ballack foi apresentado oficialmente nesta segunda-feira como a nova contratação do Chelsea.

Astro da seleção alemã, Ballack assinou um contrato de três anos com o time inglês, do técnico português José Mourinho. E ele aproveitou a oportunidade para criticar a atitude do presidente de seu ex-clube, Bayern de Munique, o ex-jogador e vice-campeão mundial Karl Heinz Rummenigge.

"Ele sempre fez declarações populistas sobre a situação do meu contrato e também tentou incitar os fãs da equipe contra mim", disparou Ballack. De acordo com o jogador, o presidente do Bayern revelou a pessoa que era durante a atual negociação com o Chelsea.

Bicampeão do Campeonato Alemão e da Copa da Alemanha, Ballack, que jogou em 232 partidas e marcou 75 gols na Bundesliga, reforçou ainda à revista alemã Kicker que o contrato com o Chelsea é a realização de um sonho. "Jogar no exterior sempre foi um objetivo para mim", acrescentou o jogador.

Ballack foi apontado por Mourinho como um dos melhores atletas em atividade do mundo. Além do alemão, o técnico e manager do Chelsea prometeu mais duas grandes contratações para a próxima temporada. Um dos nomes mais fortes da lista é o do atacante ucraniano Shevchenko, que já manifestou interesse em deixar o Milan.