Delegacias e bases da Polícia Militar foram alvo de atentados na região de Ribeirão Preto, interior de São Paulo, entre a noite de ontem e a madrugada desta segunda-feira. Um suspeito foi morto durante troca de tiros. Em Morro Agudo, a delegacia da cidade foi incendiada. O fogo destruiu a sala do escrivão.

Em Guariba, um homem atacou a base da Polícia Militar. Houve troca de tiros e o bandido acabou baleado e morreu no pronto-socorro da cidade. Ele estava com cartucheira calibre 12 e um revólver calibre 38. Em Pontal, a base da Polícia Militar foi atacada e os criminosos colocaram fogo em uma perua Kombi do Ministério Público. A casa de um PM também foi atingida por tiros.

Em Bebedouro, uma base comunitária da PM e o 2º Distrito Policial foram atingidos por tiros. Um homem que estava na rua ficou ferido por estilhaços da bala que bateram no portão. Em Serrana, um bombeiro foi morto esta madrugada com nove tiros no centro da cidade. André Luis dos Santos estava em um bar, fora do horário de serviço, quando foi baleado por dois homens e morreu no local. Uma mulher de 25 anos que estava no bar foi atingida por uma bala perdida e está internada na Santa Casa da cidade.