O ministro do Trabalho e Emprego, Ricardo Berzoini, e o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Luiz Marinho, estão reunidos para discutir uma proposta de recuperação do salário mínimo. Também participa do encontro o assessor econômico da CUT, Jefferson José. A proposta do presidente da CUT é estabelecer um planejamento para recuperação do salário mínimo que não seja baseado apenas em aumentos a partir de sobras do orçamento da União.

Segundo Luiz Marinho, o salário mínimo deve ser revisto como um dos principais canais para distribuição de renda no país e como indicador de justiça social.