Um menino de 4 anos, filho de sargento da Polícia Militar do Distrito Federal, morreu na noite da segunda-feira após pegar o revólver do pai e, acidentalmente, disparar a arma. O acidente aconteceu no Recanto das Emas, cidade a 25 quilômetros de Brasília.

Segundo a polícia, o sargento João Batista de Oliveira estava em casa, se arrumando para sair, quando deixou a arma de fogo em cima da cama. A criança pegou o revólver e acabou atingindo o próprio abdômen. O menino, que tinha um irmão gêmeo, foi levado para o hospital, mas não resistiu. O pai está em estado de choque e recebe assistência da PM. As informações são do jornal DFTV, da TV Globo.