Salvador (AE) – O senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) afirmou ontem que, na sua opinião, um contador ligado ao ?valerioduto? deve ter sido o responsável pelo balanço de 2005 da Gamecorp, que registrou prejuízo de R$ 3,479 milhões. A empresa tem entre seus sócios Fábio Luís Lula da Silva, filho do presidente Lula. O mau resultado financeiro da empresa aconteceu no mesmo ano em que a Telemar virou acionista da companhia, comprando 35% de participação por R$ 2,5 milhões.

ACM tem sido um severo crítico da transação entre a Gamecorp e a Telemar. Em discursos seguidos no plenário do Senado, ele costuma levantar suspeitas sobre a operação. Disse que o balanço reforça essas suspeitas. ?É inacreditável que tenha havido prejuízo. Pelo que sabemos, a empresa está envolvida em muitos projetos e deveria ter lucros muito grandes. Acho que tem algo errado aí e o contador que conseguiu registrar esse prejuízo deve ser o mesmo do valerioduto?, disse o senador.

Valerioduto é como ficou conhecido o caixa 2 do PT, montado pelo empresário Marcos Valério Fernandes de Souza e pelo ex-tesoureiro petista Delúbio Soares. Resultou no escândalo do mensalão, o maior do governo Lula.