O aeroporto Santos Dumont, que concentra os vôos da ponte aérea Rio-São Paulo, opera com o auxílio de instrumentos por conta da névoa que encobre parcialmente o Rio de Janeiro desde a madrugada desta terça-feira. A pista chegou a ficar fechada para pouso de 7h40m até às 8h23m.

O Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão) também opera com o auxílio de instrumentos. Segundo a Empresa Brasileira de Infrae-Estrutura Aeroportuária (Infraero), a situação na área de embarque é tranqüila.