A situação nos aeroportos brasileiros permanece tranqüila no período da tarde deste sábado (22), de acordo com o mais recente boletim divulgado pela Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Dos 1.002 vôos programados desde a zero hora até as 15 horas de hoje, 32 apresentaram atrasos superiores a uma hora, o que representou apenas 3,2% do total. No mesmo período, 144 vôos (14,4%) foram cancelados. A Infraero também informou que, das 14 horas às 15 horas, oito partidas sofreram atrasos, o que representou 0,8% do total.

Em São Paulo, no Aeroporto de Congonhas, nenhum dos 102 vôos programados atrasou durante todo o dia até as 15 horas. No mesmo período, 36 (35,3%) foram cancelados. No Aeroporto Internacional Governador Franco Montoro, em Guarulhos (SP), três vôos (2,4%) dos 124 programados apresentaram atrasos e a mesma quantidade foi cancelada.

No Rio de Janeiro, o Aeroporto Tom Jobim contou com cinco (5,1%) vôos atrasados de 99 programados. Quanto aos cancelamentos, a Infraero informou que o aeroporto apresentou 18 vôos (18,2%) nesta condição. Também no Rio, no Aeroporto Santos Dumont, não houve registro de atrasos e quatro vôos (19%) foram cancelados, de um total de 21.

Em Brasília, o Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek registrou três vôos (2,4%) com atraso, dos 127 programados. Na capital federal, dois (1,6%) vôos foram cancelados. Em Porto Alegre, no Aeroporto Salgado Filho, apenas um (2,8%) dos 36 vôos programados sofreu atraso e oito (22,2%) foram cancelados.