O presidente em exercício, José Alencar, está no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para ser submetido a um procedimento de troca de um tubo plástico colocado dentro da alça de intestino, que substitui o ureter desde a cirurgia de 25 de janeiro. Naquele dia, Alencar passou por uma operação de 18 horas para a retirada de tumores no abdome. Ele ficou 27 dias internado, nove deles na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A operação foi a mais radical intervenção cirúrgica à qual foi submetido na sua longa luta contra o câncer, desde 1997.

Para a intervenção de hoje, que deve demorar cerca de uma hora e 30 minutos, Alencar será sedado. Segundo a assessoria da Presidência, Alencar chegou às 8h45 ao Sírio-Libanês e, até 10h45, o procedimento ainda não havia começado. Alencar está na capital paulista desde ontem e deve voltar para Brasília assim que deixar o hospital.