A Polícia Civil investiga se o homem visto em um restaurante na zona sul de São Paulo é mesmo o médico Roger Abdelmassih, 69, que está foragido há quase dois anos.

A investigação começou, segundo o delegado Waldomiro Milanesi, tão logo ele soube pela Folha de S.Paulo de ontem que clientes do Bread & Co, na Vila Nova Conceição, viram um homem que juram ser o médico.
Imagens do circuito interno do restaurante divulgadas ontem aumentaram ainda mais a polêmica. “É ele. Eu o conheço bem”, disso médico e conselheiro do Cremesp Henrique Salvador.

Abdelmassih está foragido desde 2011, quando a Justiça determinou sua prisão. Ele foi condenado, em primeira instância, a 278 anos de prisão pelos estupros de sua funcionária e clientes de sua clínica de reprodução assistida.

Para Milanesi, a semelhança é enorme. Mas, pelas imagens, o homem aparenta ser mais alto e mais forte que Abdelmassih. O advogado do médico, José Luis Oliveira Lima, disse que não comentaria o caso.