Um bebê de 15 dias foi seqüestrado na tarde desta sexta-feira, em Sete Lagoas, no interior de Minas Gerais. De acordo com a polícia militar, uma mulher entrou na casa, por volta das 12 horas, dizendo ser funcionária na área da saúde. Fez muitas perguntas à mãe do bebê, que estava sozinha na casa. Quando o pai do garoto chegou, a suspeita deixou a casa, mas retornou às 15 horas. Após invadir a residência, agrediu a mãe do bebê e seqüestrou a criança.