Mais uma pessoa morreu vítima do desabamento de um prédio comercial de dois pavimentos em construção na Avenida Mateo Bei, altura do número 2.600, em São Mateus, na zona leste de São Paulo. Essa é a sexta morte confirmada pelo Corpo de Bombeiros. Outras 22 pessoas foram socorridas com vida e encaminhadas a hospitais da região.

Homens da corporação que estão no local estimam que cerca de 10 vítimas ainda estejam sob os escombros. Duas delas já foram localizadas e estão conversando com os socorristas.

Segundo o major dos Bombeiros Anderson Lima de Oliveira, comandante da operação, uma das vítimas resgatadas manteve contato com os socorristas pelo celular, o que facilitou a sua localização. Trata-se de um homem de 24 anos, que estava sob duas lajes. Ele foi retirado com ferimentos nos membros inferiores, mas estava consciente. Ainda conforme o major, os socorridos informaram que a estrutura entrou em colapso repentinamente, sem que houvesse explosão.

O desmoronamento ocorreu por volta das 8h30 desta terça-feira, 27, em uma construção de uma loja de dois andares da rede de moda Magazine Torra Torra. A estimativa é de que cerca de 35 pessoas trabalhavam no empreendimento no momento do acidente.

Responsáveis

O Magazine Torra Torra nega ter responsabilidade sobre a obra e afirma que só assumiria o imóvel após as reformas estruturais que seriam realizadas pelo proprietário.

Segundo a empresa, havia um contrato de locação e uma firma de engenharia contratada pelo magazine fazia uma avaliação sobre as condições de uso do prédio. “Caso esse laudo técnico fosse positivo, atestando a segurança estrutural, a rede então faria o acabamento para abrigar mais uma unidade”, afirmou a Torra Torra por meio de nota.

A Defesa Civil Municipal interditou seis prédios na região: quatro residenciais e outros dois comerciais.