O Brasil atingiu, nessa terça-feira (6), a menor média móvel de casos de covid-19 desde 23 de fevereiro deste ano. O dado agora é de 48.954 casos por dia, comparado a 48.469 no dia 23.

O país registrou 1.787 mortes por covid e 62.730 casos da doença, nesta terça. Com isso, desde o início da pandemia, o Brasil soma 527.016 óbitos e 18.854.806 pessoas infectadas pela covid.

+ Leia mais: UPAs de Curitiba exclusivas para emergências voltam ao atendimento habitual

A média móvel de mortes, por sua vez, chegou a 1.557, queda de 19% em relação aos dados de 14 dias atrás. O dado completou sete dias na casa de 1.500 óbitos por dia. A média é um instrumento estatístico que busca amenizar grandes variações nos dados, como costumam ocorrer em finais de semana e feriados. A média é calculada pela soma do número de mortes dos últimos sete dias e a divisão do resultado por sete.

Os dados do país, coletados até às 20h, são fruto de colaboração entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são coletadas pelo consórcio de veículos de imprensa diariamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

O estado do Amazonas não registrou mortes por Covid nesta terça. O estado teve uma explosão de óbitos por Covid no início desse ano, chegando inclusive a passar por uma crise de abastecimento de oxigênio hospitalar.

A iniciativa do consórcio de veículos de imprensa ocorreu em resposta às atitudes do governo Jair Bolsonaro (sem partido), que ameaçou sonegar dados, atrasou boletins sobre a doença e tirou informações do ar, com a interrupção da divulgação dos totais de casos e mortes. Além disso, o governo divulgou dados conflitantes.