Montevidéu – Milhares de turistas brasileiros chegaram nos últimos dias a Punta del Este (costa uruguaia), ocupando cerca de 50% da capacidade hoteleira, ao mesmo tempo em que há uma grande procura por compra e aluguel de propriedades. Há poucos anos eram os argentinos que dominavam este cenário.

Porta-vozes do setor informaram nesta segunda-feira (7) que o luxuoso Hotel Conrad tem 40% de suas instalações ocupadas por brasileiros, sendo superado pelo Serena Hotel, com 90%.

A presença de brasileiros no balneário de Punta del Este, a 130 quilômetros de Montevidéu, também levou ao aumento do interesse por compra e aluguel de residências.

O empresário da construção Ricardo Weiss disse que até 2002, 95% das propriedades eram compradas por argentinos, uma porcentagem que agora está em torno de 65%, e cede espaço para brasileiros, norte-americanos e europeus.

"Os brasileiros possuem uma força de compra impressionante", sustentou Weiss.

Luis Borsari, presidente da Câmara Imobiliária de Punta del Este, disse ao jornal Últimas Notícias que as reservas de turistas provenientes do Brasil "crescem ano a ano" e representam aproximadamente 20% do total.

Borsari afirma que os imóveis mais procurados são de médio e alto nível, nas praias "Mansa" e "Brava", duas das mais concorridas do balneário.

Entidades do setor também apontam que 70% dos 140 mil passageiros que chegarão ao balneário em cruzeiros são brasileiros.