Belo Horizonte

– O prefeito de Ipatinga, Vale do Aço de Minas, Chico Ferramenta (PT), se afastou do cargo por tempo indeterminado. Em nota divulgada à imprensa, ele pediu desculpas à sua mulher, a deputada estadual Cecília Ferramenta, empossada recentemente, mas disse que não vai explicar publicamente o seu desaparecimento por dois dias. Ferramenta sumiu misteriosamente e mobilizou o próprio partido, a polícia e outras autoridades e até o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que determinou à Polícia Federal prioridade na apuração do caso. Anteontem ele reapareceu em um hotel no centro de Belo Horizonte, com duas garotas, depois de uma noite de bebedeira.

Segundo a garota de programa D.M.W., o prefeito chegou no início da tarde à casa de prostituição, pediu que comprassem cervejas e pagou pelos serviços de duas moças. “”Ele estava embriagado??, contou D.M.W. Pessoas próximas ao prefeito confidenciaram que ele andava chateado com boatos de que a esposa mantinha um relacionamento extraconjugal.