Rio – Uma nova chuva forte voltou a causar grandes transtornos no Rio de Janeiro. A ponte Rio-Niterói chegou a ficar fechada por meia hora e o Aeroporto Santos Dumont também fechou para pouso e decolagem em razão da pouca visibilidade e dos fortes ventos e o Aeroporto Internacional Tom Jobim funcionou apenas com instrumentos. A Defesa Civil do Estado e do município ficou em alerta máximo e os agentes foram deslocados para os pontos considerados críticos na cidade. Em razão da chuva, o trânsito ficou congestionado, principalmente na Avenida Brasil, no centro da cidade e nos elevados que fazem a ligação das zonas norte e oeste à zona sul. O Instituto Nacional de Meteorologia divulgou um alerta meteorológico informando que em decorrência da formação de áreas de instabilidade sobre a região sudeste, persiste a possibilidade de ocorrência de chuvas e trovoadas, com ventos e rajadas de moderada a forte, principalmente na região sul do estado e na capital.