O ciclone subtropical que desceu do litoral do Sudeste para o litoral do Sul do Brasil no final de semana começou a perder força hoje, sem ter causado qualquer estrago na região costeira do Rio Grande do Sul.

Os serviços de meteorologia indicam que o fenômeno permanecerá próximo ao litoral amanhã, quando ainda pode provocar chuvas e algumas rajadas de vento, e tende a se afastar para o alto mar na quinta-feira.

A ocorrência ainda preocupa os meteorologistas por suas circunstâncias incomuns. Os ciclones rotineiros no Atlântico Sul são os extratropicais, com centro frio, que se formam entre a costa da Argentina, Uruguai e Rio Grande do Sul e se deslocam para dentro do oceano na direção nordeste.