A Comissão de Infra-estrutura do Senado aprovou nesta terça-feira (7) a indicação de Luiz Antônio Pagot para a direção-geral do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (DNIT) por 17 votos a 6. A indicação de Pagot foi contestada por senadores da oposição que conseguiram protelar a votação de seu nome por mais de dois meses.

A resistência ao nome de Pagot se deve ao fato dele ter acumulado, entre 1995 e 2002, a função de secretário parlamentar no gabinete do senador Jonas Pinheiro e na empresa privada Hermasa Navegação da Amazônia. O nome de Pagot ainda precisa ser aprovado pelo plenário do Senado.