A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Escutas Telefônicas começou na tarde desta quarta-feira (2) a ouvir os advogados Ulisses Borges de Resende, Guilherme Castelo Branco e Luiz Freitas Pires de Sabóia. A audiência foi pedida pelo relator, deputado Nelson Pellegrino (PT-BA).

A ex-secretária da Comissão Organizadora de Exames da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Janaína Faustino, sob orientação da Polícia Civil, gravou conversas com os três advogados, ocorridas em um bar de Brasília. Janaína, que já foi ouvida pela CPI, acusa os advogados de a terem intimidado e ameaçado para que envolvesse o ex-vice-presidente da OAB-DF Paulo Roberto Thompson Flores e antigos chefes na fraude ocorrida no exame da Ordem em dezembro de 2006.

A audiência ocorre no plenário 13.