Cinco criminosos abandonaram um suposto objeto explosivo dentro de uma van escolar após terem feito o motorista refém quando fugiam da polícia na manhã desta terça-feira (10), na zona sul de São Paulo. O condutor parou o veículo – que estava sem crianças no momento – em uma rua do Paraíso e acionou a Polícia Militar. O Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foi ao local para verificar se o objeto deixado na van é uma bomba.

De acordo com a Polícia Militar, o grupo de assaltantes tentava praticar roubos na Avenida Nossa Senhora do Sabará, na região de Interlagos, por volta das 5 horas e percebeu a chegada de policiais.

Os criminosos atiraram contra os agentes e fugiram. Durante a ação, eles sequestraram o motorista da van escolar na Avenida Rubens Montanaro de Borba e o abandonaram com o veículo em uma favela.

Sem ferimentos, o condutor seguiu viagem em direção à região central da capital paulista e viu que havia um objeto que se assemelhava a explosivos em um dos bancos da van. Ele estacionou o veículo na Rua Coronel Oscar Porto, no Paraíso, e chamou a PM.