Brasília – O candidato oficial do PT à presidência da Câmara, Luiz Eduardo Greenhalgh (SP), começou a enviar ontem, pelo correio, um DVD pedindo voto de todos os deputados para se eleger, no dia 14. Com quase oito minutos, o vídeo foi produzido pela Agência Futura de Propaganda e custou R$ 20 mil, incluídos os gastos com gravação, edição, locação e expedição do DVD para cada um dos 513 deputados. O vídeo é enviado para a casa dos parlamentares.

Na primeira parte do vídeo, o atual presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP), aparece como cabo eleitoral de Greenhalgh. João Paulo elogia o candidato petista e fazer um balanço de sua atuação à frente da Casa nos últimos dois anos. Depois, Greenhalgh pede o voto de cada deputado e explica que cabe ao PT, como maior partido da Câmara, indicar o sucessor de João Paulo. Deixa claro ainda, que é o candidato oficial do partido.

Segundo a assessoria de Greenhalgh, o DVD é enviado para todos os deputados, inclusive Virgílio Guimarães (PT-MG), que lançou a candidatura avulsa à presidência da Câmara à revelia do PT. Ao todo, foram feitas 550 cópias do DVD. Os coordenadores da campanha de Greenhalgh esperam que o vídeo chegue à casa dos deputados antes do Carnaval.

Vinte e dois dos 46 deputados federais fluminenses oficializaram hoje o apoio a Greenhalgh, em almoço marcado por críticas ao secretário de Governo e Coordenação do Rio, Anthony Garotinho (PMDB), que apóia o candidato dissidente, Guimarães. O líder do governo, deputado Professor Luizinho (PT-SP), chegou a, sem mencioná-lo, chamar Garotinho de "molequinho". "Tem uns molequinhos que acham que podem atrapalhar o Rio", ironizou ele. No fim da tarde, Greenhalgh encontrou-se com o prefeito Cesar Maia (PFL), de quem conseguiu declarações de simpatia.