Em média, um fuzil foi apreendido por dia no Estado do Rio de Janeiro entre janeiro e maio de 2015, segundo dados divulgados nesta quinta-feira, 2, pelo Instituto de Segurança Pública (ISP). O número de apreensões desse tipo de arma aumentou 51% na comparação entre os cinco primeiros meses de 2014, quando foram recolhidos 115 fuzis, em relação ao mesmo período de 2015, com 174 fuzis apreendidos.

A capital do Estado concentrou 72% das apreensões de fuzis. De acordo com o ISP, 56% dos fuzis foram recolhidos em bairros que dispõem de comunidades não contempladas com Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), como os Complexos do Dezoito, da Serrinha, do Chapadão, Juramento e Pedreira, todas na zona norte, e do Complexo de Camará, na zona oeste.

No total, 3.989 armas de fogo foram apreendidas no Estado nos primeiros cinco meses de 2015, sendo 1.683 revólveres (42%), 1.533 pistolas (39%), 174 fuzis (4%) e 49 metralhadoras e submetralhadoras (1%). O número de apreensões registradas em 2015 representa um aumento de 11% em relação ao mesmo período do ano anterior, totalizando 383 armas a mais.