Porto Alegre

(AE) – O nível das águas do Guaíba, em Porto Alegre, diminuiu 18 centímetros e permitiu o retorno para casa, ontem, das primeiras 14 famílias desabrigadas pela enchente registrada na última semana. O lago ainda está 96 centímetros acima do patamar considerado normal em junho, informou a Prefeitura. A cidade soma 437 pessoas desabrigadas pela cheia, que são atendidas em oito abrigos municipais.

Apesar da melhora no nível do Guaíba, técnicos do Centro Administrativo Regional -Ilhas (CAR-Ilhas), da Defesa Civil municipal, da área de risco da Secretaria de Obras e Viação e da Fundação de Assistência Social recomendaram ontem a permanência das pessoas atendidas pela prefeitura nos abrigos públicos. Mesmo com a redução das águas, seu nível ainda está além da margem de segurança recomendada, explicou o coordenador do CAR-Ilhas, Anderson Luís da Silva.

O Guaíba recebe águas dos afluentes do Delta do Jacuí. Em todo o Estado, a Defesa Civil ainda registra sete municípios em situação de emergência provocada pelo último episódio de enchente.