Washington – O Brasil está entre os 22 países considerados pelo governo dos Estados Unidos como os principais produtores ou integrantes da rota de tráfico de drogas no mundo. A relação foi divulgada na quinta-feira pelo presidente americano George W. Bush. Nos últimos 12 meses, segundo o governo americano, os países que aparecem na lista não cumpriram as leis internacionais de combate ao tráfico. O documento diz que a maior parte da droga consumida nos Estados Unidos vem da América Latina, mas Bush citou uma preocupação com o fluxo de drogas que entra pela fronteira americana com o Canadá. O Brasil aparece em ordem alfabética, depois da Bolívia. A Casa Branca não explicou se o Brasil é visto pelo governo Bush como produtor ou como rota de tráfico. Os seguintes países foram listados: Afeganistão, Bahamas, Bolívia, Brasil, China, Colômbia, República Dominicana, Equador, Guatemala, Haiti, Índia, Jamaica, Laos, México, Miamar, Nigéria, Paquistão, Panamá, Paraguai, Peru, Venezuela e Vietnã.