O governo brasileiro é a favor da clonagem de células humanas para fins terapêuticos. A afirmação foi feita hoje pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Ronaldo Sardenberg, durante a abertura do seminário Clonagem Humana, no Senado. ?O avanço da ciência envolve debate e, por vezes, a reavaliação de conceitos éticos de interesse da sociedade?, disse o ministro.

A clonagem de células pode ter duas finalidades. A clonagem reprodutiva, que visa a criação de um ser completo e com as mesmas características daquele que doou a célula. É o caso da ovelha Dolly. A segunda consiste no uso de células (inclusive de adultos) para o desenvolvimento em laboratório de embriões até o estágio de blastócito. Nesse ponto do desenvolvimento do embrião é possível fazer a extração das células-tronco. Essas células-tronco podem ser usadas para criar tecidos e órgãos, depois utilizados em transplantes.