Brasília – Autoridades do setor aéreo se reúnem na tarde desta segunda-feira (25) no Ministério da Defesa, em Brasília, com representantes de diversas companhias aéreas. Além do ministro Waldir Pires, participam os presidentes da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Milton Zuanazzi, e da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária, José Carlos Pereira.

Segundo a assessoria de imprensa do ministério, empresas de todos os portes foram convidadas para dar sugestões sobre os problemas de tráfego aéreo e indicar prioridades, a fim de definir a pauta da próxima reunião do Conselho Nacional de Aviação Civil (Conac), na segunda quinzena de julho. A última foi no início de junho.

Ao chegar para a reunião, o presidente da Infraero procurou tranqüilizar quem planeja viajar de avião nas férias de julho. ?Tenho certeza de que não vai haver nenhum problema. O sistema que a Aeronáutica montou está muito seguro?.

Pereira, no entanto, declarou que o pacote anunciado na última sexta-feira, juntamente com o afastamento de controladores de vôo, ainda não é uma solução definitiva. ?A Aeronáutica aplicou um sistema emergencial que vai resolver [os problemas do setor áereo] durante um largo tempo, tempo que a própria Aeronáutica precisa para completar a formação de controladores e se preparar?.