Um homem foi torturado e morto por moradores da Rocinha, zona sul do Rio, suspeito de agredir um bebê de um ano e 10 meses na comunidade. Milton Silva, de 40 anos, teria ferido uma criança com um objeto cortante na cabeça, possivelmente uma faca. Levado para o Hospital Miguel Couto, na Gávea, com sinais de tortura, ele não resistiu aos ferimentos.

De acordo com informações da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do local, o homem foi encontrado por PMs amarrado a fios e com ferimentos pelo corpo por volta de 4h desta segunda-feira (20) na Estrada da Gávea. O Corpo de Bombeiros confirmou que homens do Quartel da Gávea, também na zona sul, foram acionados por uma ocorrência de agressão nesta madrugada.

O bebê também foi socorrido e levado para o Hospital Miguel Couto e, após passar por cirurgia, foi transferido para o hospital Prontobaby, na Tijuca, zona norte do Rio. O caso foi registrado na 11ª Delegacia de Polícia (DP). De acordo com a Polícia Civil, a delegacia aguarda a presença da mãe da criança, que deve ser ouvida na unidade, e realiza diligências em busca de testemunhas.