Brasília – Oitenta índios da tribo Fulniô, da região de Águas Belas, a 300 quilômetros de Recife, fizeram, ontem, um protesto em frente ao Palácio do Planalto, dançando para chamar a atenção do governo. Segundo o cacique Euclides Frederico Ytew-a, a tribo Fulniô, que tem hoje 6 mil índios vivendo no interior de Pernambuco, está passando necessidade. “Estamos passando fome. Precisamos de feijão e milho para plantar e não temos trabalho certo”, disse o cacique. O cacique Euclides informou que vai ficar em Brasília com seus guerreiros até ser recebido pelas autoridades. Ele disse que ninguém quis ouvir suas reinvidicações. “Temos cerca de 200 índios aqui, em Brasília. Não queremos mais o presidente da Funai”, disse.