Por conta do mau tempo, que deixou nesta manhã o céu nublado na cidade do Rio de Janeiro, os aeroportos amanheceram operando com auxílio de instrumentos, segundo a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Apesar da neblina, o aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, não registrou nenhum vôo atrasado e apenas sete, de um total de 29 vôos previstos até as 8 horas, foram cancelados. No Aeroporto Santos Dumont, no centro do Rio, também não houve registro de atrasos e cancelamentos, segundo informou a Infraero.

Em São Paulo, o aeroporto internacional de Cumbica, em Guarulhos operava visualmente. Do total de 36 vôos programados, nenhum registrou atraso de mais de uma hora e apenas um vôo havia sido cancelado. Já em Congonhas, na zona sul de São Paulo, a neblina ainda atrapalhava as operações de pousos e decolagens, por isso o aeroporto operava por instrumentos. Dos 37 vôos previstos, três apresentaram atrasos de mais de uma hora e seis foram cancelados.