São Paulo – O Metrô (Companhia do Metropolitano de São Paulo) anunciou ontem o cancelamento de todos os bilhetes múltiplos de dois, depois do roubo de uma carga de dois milhões de bilhetes. O crime aconteceu pela manhã na área de despachos de cargas da Infraero (Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária), no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (Grande São Paulo). Segundo o Metrô, a maior parte dos bilhetes roubados tinha inscrições comemorativas aos 30 anos da companhia, que serão completados no próximo dia 14. No entanto, a empresa afirmou que “todos os bilhetes múltiplos de dois estão cancelados por, pelo menos, uma semana”.