Brasília – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fará uma visita oficial a Cuba em setembro, a convite do presidente daquele país, Fidel Castro. A informação foi confirmada pelo embaixador brasileiro em Havana, Tilden Santiago que ontem foi recebido em audiência no Palácio do Planalto. Durante a visita, segundo Santiago, os dois países deverão firmar acordos nas áreas de turismo, educação, saúde, indústria alcooleira e científica. Na avaliação do embaixador, a questão dos direitos humanos em Cuba poderá entrar na pauta de conversações dos dois presidentes, mas observou que não há constrangimento, de parte brasileira, em relação às recentes execuções de adversários do regime cubano.