Militantes de partidos políticos que levavam bandeiras à concentração para a passeata que acaba de começar no centro do Rio foram recebidos com vaias e palavras de ordem. “O povo unido não precisa de partido”, gritaram os manifestantes apartidários para um grupo que levava bandeiras do PSTU, do PCB e do PC do B e descia a rua Uruguaiana em direção à avenida Presidente Vargas, onde acontece o protesto. “Sem partido”, repetiam os manifestantes contrários à partidarização. “Sem fascismo”, respondiam os militantes partidários.