Uma criança de 6 anos morreu afogada após cair em um buraco dentro do canteiro de obras do novo estádio do Mamoré, em Patos de Minas, no sul de Minas Gerais. Segundo informações da polícia militar, três irmãos ultrapassaram a cerca da obra para brincar. Devido às chuvas que caíram na região, muitos buracos estavam tomados pela água. Duas meninas caíram dentro de uma caixa de drenagem do gramado, com cerca de 3 metros de profundidade, que estava encoberta pela água da chuva.

Ao tentar salvar as duas meninas, o vigia do estádio também caiu no local. O irmão, Marcelo Souza, de 9 anos, conseguiu salvar uma das irmãs e o vigia, que não sabia nadar. De acordo com o vigia, ele não viu quando as crianças entraram.