Marília

– O estudante Rodrigo Cordeiro de Moraes, de 18 anos, foi morto por um menor na noite de domingo, quando faziam “roleta russa”. Moraes estava na casa de um amigo, no bairro Jânio Quadros. O estudante foi atingido pelo tiro no supercílio direito, disparado por um menor de 17 anos, cuja identidade não foi revelada pela polícia. A chamada roleta russa consiste em deixar apenas uma bala, rolar o tambor do revólver e em seguida acionar o gatilho da arma em direção à própria cabeça ou à de terceiros. Segundo a polícia, o menor brincava com o revólver, acionou a arma contra a própria cabeça duas vezes e depois apontou para a cabeça de Moraes.