O deputado federal Aloizio Mercadante, candidato do PT ao Senado, afirmou hoje que é contra o envio de representantes da Organização das Nações Unidas (ONU) para monitorar a eleição presidencial brasileira. ?Não creio que seja esse o caminho. Temos condições de resolvermos os nossos próprios problemas democráticos?, disse o deputado. O coordenador de campanha do presidenciável Ciro Gomes (PPS-PDT-PTB), deputado federal João Hermann (PPS-SP), pediu hoje ao representante da ONU no Brasil, Walter Franco, o envio de representantes da organização.

Mercadante afirmou que o Brasil tem uma ?democracia madura, uma imprensa livre, uma sociedade civil orgânica e ativa e instituições importantes que participam do processo democrático?. Ele ressalvou, porém, que questionamentos podem ser feitos. ?Se algumas instituições não estão se comportando a contento, pode-se questionar?, afirmou. O deputado frisou ainda que nem ele nem o PT questionam a lisura das eleições.