São Paulo – O Ministério da Defesa decidiu realizar uma reforma definitiva da pista principal do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, e agendá-la para março do ano que vem.

Segundo informe divulgado na segunda-feira (6) no portal de internet do ministério, a decisão foi tomada pelo ministro Nelson Jobim e afasta alternativa cogitada na semana passada, de se realizar uma reforma emergencial agora e a reforma definitiva, em março do ano que vem.

O ministério informou que, conforme estudos apresentados pela Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), será possível realizar a obra em três etapas, uma para cada cabeceira da pista e a área central, no final do cronograma.

Apenas na reforma do trecho central, a pista principal será fechada, e os vôos que a utilizariam serão transferidos para o Aeroporto Internacional de Viracopos, na região metropolitana de Campinas, o que deverá ocorrer em março. Para isso, o terminal de passageiros de Viracopos será ampliado.

O comunicado do ministério não faz referência ao uso ou reformas da pista auxiliar de Guarulhos.