O Ministério da Justiça publicou na edição de hoje (20) do Diário Oficial da União a expulsão do narcotraficante Juan Carlos Ramirez Abadia do Brasil.

Além disso, está na edição de hoje a autorização de extradição de Abadia para os Estados Unidos. A Portaria n.º 1.507, que prevê a saída dele do território brasileiro, leva em consideração o deferimento do pedido de saída do país pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em março.

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério da Justiça, as portarias aguardam sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o que deve acontecer em uma semana.

Abadia, considerado chefe do cartel Vale do Norte, na Colômbia, e um dos traficantes mais procurados do mundo pela agência antidrogas dos EUA, tem uma fortuna avaliada em US$ 1,8 bilhão, segundo o Departamento de Estado norte-americano. Foi preso em Aldeia da Serra, na região metropolitana de São Paulo, durante a ação da PF. Pela operação, vários mandados de prisão e ordem de busca e apreensão foram realizados com o objetivo de desmontar organização internacional dedicada ao tráfico de drogas e lavagem de dinheiro.