Belo

Horizonte – O Ministério Público Federal em Minas Gerais informou ontem que ingressou com ação civil pública contra o vice-presidente da República, José Alencar Gomes da Silva, por suspeita de manipulação do mercado de capitais. Também foram citados a Empresa Nacional de Comércio, crédito e Participações S/A (Encopar), da qual José Alencar é sócio majoritário. A ação envolve ainda as empresas BH Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários (DTVM) Ltda. e Business Commodities Corretora Mercantil Ltda. e Fernando de Faria Resende, sócio das duas empresas.