O ex-ministro Sergio Moro falou sobre as manifestações realizadas em apoio ao presidente Jair Bolsonaro neste final de semana. Ex-aliado do mandatário brasileiro e antigo ídolo de parte dos manifestantes, Moro ainda provocou a líder do movimento, a ativista Sara Winter, que é investigada pela Polícia Federal suspeita de integrar um grupo que dissemina e financia fake news.

Veja a manifestação de Moro no Twitter:

O grupo se reuniu na frente do Supremo Tribunal Federal (STF) mascarado e com tochas nas mãos pedindo o fim do STF e do congresso. “Tão loucos mas, ainda bem, tão poucos. O único inverno chegando é o das quatro estações”. Moro fez um trocadilho com a palavra inverno, que em inglês se fala “winter”, sobrenome da ativista.

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, relator do inquérito das fake news, foi o principal alvo do grupo que se intitula “Os 300”. “Ministro covarde, queremos liberdade. Inconstitucional, Alexandre imoral”, gritavam, entre outras ameaças e ofensas.