O designer Henrique de Carvalho Pereira, de 22 anos, que foi atacado com um taco de beisebol na Livraria Cultura, nos Jardins, zona sul de São Paulo, morreu na madrugada de hoje. Segundo o Hospital das Clínicas de São Paulo (HC), onde ele estava internado, o paciente morreu as 5h30. O crime aconteceu no dia 21 de dezembro do ano passado.

O corpo já foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML). A causa da morte ainda não foi divulgada. O designer sofreu traumatismo craniano após ser agredido pelo personal trainer Alessandre Fernando Aleixo. Ele golpeou a vítima que lia um livro no estabelecimento. O agressor foi preso e autuado em flagrante por tentativa de homicídio, mas em agosto a Justiça determinou que ele fosse internado em um manicômio.