Rio (AE) – Já são quinze os mortos na guerra do tráfico no Morro do Vidigal, na zona sul do Rio. Dois corpos não identificados foram encontrados ontem, em dois pontos diferentes da favela. A polícia não soube informar quando as pessoas foram mortas.

Durante o dia, foi normal o movimento dos moradores do Vidigal. A PM passou mais um dia na favela, à procura de traficantes e de corpos. A população dizia já se sentir mais tranqüila. A madrugada foi a primeira sem tiroteios, em cinco dias. Alguns moradores disseram que o grupo que atacou o morro já recuou e se refugiou em outras favelas.