Brasília – O Ministério Público Federal apresentou ontem denúncia no Superior Tribunal de Justiça (STJ) contra o ex-governador do Espírito Santo José Ignácio Ferreira por tentativa de peculato e abuso de poder enquanto exercia o cargo. Também foram acusados pelos mesmos crimes outros 20 deputados estaduais à época, sendo que alguns deles foram reeleitos. Segundo a denúncia, oferecida pelo subprocurador-geral da República, Francisco Dias Teixeira, o ex-governador teria formulado um projeto de lei autorizando o Executivo local a utilizar recursos financeiros depositados no Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo S/A com valor superior a R$ 37 milhões.