O Estado do Mato Grosso registrou neste mês de janeiro 16 ataques a caixas eletrônicos, segundo levantamento do Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (SEEB-MT). No mesmo período do ano passado, foram computadas seis ações criminosas. Os últimos casos ocorreram ontem. Bandidos invadiram a agência do Santander do Distrito Industrial, em Cuiabá, durante a madrugada e tentaram arrombar um dos caixas eletrônicos pela parte de trás do equipamento.

Na madrugada de segunda-feira, 30, os ladrões estiveram na mesma agência, estenderam lona na frente do banco para simular uma reforma e tentaram arrombar o mesmo caixa com maçarico. A parte da frente foi danificada, mas os ladrões não conseguiram abrir o cofre.

Também na madrugada de ontem, mais dois caixas eletrônicos foram alvo de ataques. Em Campo Verde, bandidos colocaram bombas caseiras em dois caixas do Bradesco, mas os artefatos explosivos falharam. A polícia de Cuiabá foi até a cidade para retirar os explosivos. A outra ação ocorreu no Hospital Julio Muller, em Cuiabá, em uma tentativa no caixa do Santander.