Rio – Devido à forte neblina o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, operou grande parte da manhã de ontem por intrumentos. Os vôos da ponte aérea se atrasaram. O aeroporto de Congonhas, em São Paulo, chegou a ser fechado mais cedo por causa da baixa visibilidade, o que afetou os vôos da ponte aérea Rio-São Paulo. Pelo menos sete vôos se atrasaram antes que o terminal fosse reaberto. Os vôos foram se normalizando no período da tarde. O atraso, no entanto, refletiu no movimento de aeroportos de outras cidades do País.