Depois de perder cerca de 200 mil assinantes no primeiro trimestre deste ano, a Netflix estuda uma forma de conter e atrair novos assinantes. Além do polêmico anúncio em cobrar taxa extra para quem divide a conta, o streaming deve lançar um plano mais barato com propagandas, como acontece no Amazon Prime Video.

CONFIRA TAMBÉM: Com atores de Curitiba, 2ª temporada de Irmandade estreia na Netflix

O novo plano, que já é uma estratégia da marca, estava previsto para ser lançado apenas daqui a dois anos. No entanto, segundo o portal Deadline, depois que o co-CEO Reed Hasting apresentou resultados negativos e a primeira perda considerável de assinantes, a Netflix deve optar por adiantar o lançamento para o fim de 2022.

Como vai funcionar?

O assinante será impactado por pequenos anúncios entre um episódio e outro, ou antes de assistir a um filme.

Líder do mercardo

A Netflix possui cerca de 222 milhões de assinantes globais, a marca ainda é a líder no mercado, mas prevê perda de 2 milhões nos próximos meses.

LEIA MAIS: Amazon Prime anúncio novo preço de assinatura

No Brasil, não há número oficial de assinantes, no entanto, em 2019, a Netflix divulgou que a marca tinha ultrapassado a marca de 10 milhões de assinantes no país.

Segundo a JustWatch, portal conhecido por divulgar quais séries e filmes estão disponíveis nos streamings, a Netflix possui 30% do mercado de streaming. Amazon Prime Video vem logo atrás com 23% e Disney+, com 12%.

Estreias

Veja 10 séries e filmes que chegam nesta semana na Netflix

Quanto Mais Vida, Melhor!

Guilherme leva Tucão para sua clínica

Pantanal

Tibério conta que pensa em casar com Muda

Destaque da semana

Tudo o que você precisa saber antes de ver “Doutor Estranho 2”