A polícia de Franca, a 400 quilômetros de São Paulo, investiga a morte de duas pessoas de uma mesma família, ocorrida domingo. De acordo com as primeiras informações obtidas pela polícia, Luís Roberto Ferreira, de 41 anos, teria assassinado a filha, 7, ferido gravemente outro filho, 10, e em seguida se matado, num ataque de ciúmes contra sua ex-mulher. A polícia, que começou a apurar o caso ontem, aguarda os resultados de dois exames, grafotécnico e residuográfico, para confirmar essa versão. Os resultados devem sair entre 7 e 10 dias.

Segundo o delegado do 4.º DP, Daniel Paulo Radaeli, responsável pelo caso, a polícia também vai apurar se houve participação do irmão de Ferreira, que tem deficiência mental e estava na casa na hora do crime.