O piloto Nelson Juliani Blanco, de 33 anos, morreu num acidente de helicóptero em Mangaratiba, no sul do Rio, nesta quarta-feira, 20, de manhã. O aparelho havia decolado às 8 horas do aeroporto de Jacarepaguá, na zona oeste da capital fluminense, e caiu no mar perto da Ilha de Guaíba, a cerca de 80 quilômetros da cidade. A aeronave afundou e o corpo de Blanco emergiu logo depois.

Testemunhas afirmaram que viram o helicóptero cair a 200 metros do continente e que apresentara uma falha mecânica antes da queda, na altura da Praia do Junqueira. O piloto, que era recém-casado, ia para o condomínio Portobello sozinho. Mesmo assim, foram feitas buscas para localização de mais vítimas nesta quarta-feira de manhã. Apenas o corpo de Blanco foi retirado do mar.