Ricardo Dantas Valente: chefe de
um esquema internacional de tráfico.

Rio – A Polícia Federal deflagrou na manhã de ontem a Operação Esteira Livre, que envolveu 210 agentes, do Espírito Santo, Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, e prendeu 21 acusados de tráfico internacional de drogas. Um deles foi preso em Curitiba. Vários mandados de prisão foram expedidos pelo juiz da Justiça Federal André Bizzo Mollinari.

Foram presas 20 pessoas no Rio de Janeiro e uma em Curitiba, todas acusadas de pertencerem à quadrilha de traficantes que enviava para a Europa a droga vinda do Paraguai. De manhã, a Polícia Federal prendeu, no Rio, Ricardo Dantas Valente, acusado de envolvimento com o tráfico internacional de drogas. No momento da prisão, Valente dormia ao lado da mulher grávida numa casa na Rua Coronel Ribeiro Gomes, em São Conrado. Valente é diretor da escola de samba Grande Rio.

Valente era o principal alvo da Operação Esteira Livre, deflagrada na manhã desta quinta-feira no estado do Rio, e que já prendeu outras onze pessoas. Em Botafogo, a PF prendeu o aposentado Wilson Vasconcelos, também acusado de pertencer à quadrilha. Segundo a PF, quatro dos presos seriam funcionários da Sata, empresa prestadora de serviços de transporte de babagem para as companhias aéreas no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim e em outros do país. A quadrilha chegava a enviar em três remessas mensais 60 quilos de cocaína, pronta para consumo, para Portugal e Espanha.

As investigações começaram em dezembro de 2002, após a prisão de uma traficante brasileira em Portugal. A operação ainda tem doze mandados por cumprir, todos expedidos pelo juiz André Rizzo Mollinari.

Segundo o delegado Herbert Reis Mesquita, da Coordenadoria Geral de Repressão a Entorpecentes da PF de Brasília, a droga vinha do Paraguai, passava pelo Rio de Janeiro e era enviada para a Europa, a partir do Aeroporto Internacional Tom Jobim. Até o final da tarde de ontem foram presos na operação: Walter Rodrigues de Oliveira, Wilson Vasconcelos, Ricardo Dantas Valente, Waltair Julião Tostes, Carlos Alberto Fernandes Victorio, Luiz Arouca Marques, Marco de Almeida Dalate, Willians Santos da Silva, Reinaldo José de Almeida, Orizonina Siqueira Rodrigues, Rachid Masmoud, Teresa Maria Sá Lisboa Lobo, Rodrigo de Sá Lobo, Vagner Gomes Calandrini, João Zarif Tannus, John White Júnior, Leonardo dos Santos Aquino, João Marcos de Souza Costa, Oroedes Albuquerque, Marcelo Albuquerque, além do nigeriano Olanrewaju Charles Ayokanmi Akinmulero.